Atividade física - fatores

Roupas

Como grande parte dos atletas se exercitam ao ar livre, as roupas devem ser adequadas para espantar o frio e ao mesmo tempo ideais para não deixar o atleta encharcado de suor.

O casaco de “fleece” é uma boa opção para os dias mais frios. Ele tem a função de manter o corpo aquecido, não bloqueia a transpiração, e ao mesmo tempo permite que o corpo respire proporcionando conforto térmico.

Já para os dias mais amenos, o casaco corta-vento também é indicado. Mais leve que o “fleece”, ele vai aquecer o atleta na medida certa. Além disso, quando sentir calor, o casaco pode ser facilmente guardado.

Também é importante ficar atento na hora de comprar esses produtos. Sempre opte por um modelo leve e bem ventilado que não esquenta quando está treinando, deixando o suor secar e que também possa servir de abrigo no final do exercício.

Já para as atividades menos intensas, como a caminhada, é possível usar um modelo com trama mais fechada. Vale a pena investir neste agasalho que será muito útil para não desistir de treinar quando estiver muito frio.

Outra opção são os tecidos em coolmax (que mantém a temperatura de seu corpo enquanto você corre e transpira, sem encharcar a sua camiseta). Pode-se usar moletons e calças, mas a região de seu corpo que merece maior atenção é do seu peito, por reunir vários órgãos vitais; mantenha-o sempre protegido. As extremidades como mãos e pés também merecem atenção, proteja-os com luvas e meias especiais. Ao término da corrida troque a roupa molhada por roupas secas de imediato.

Não corra ensacado: os plásticos junto ao corpo elevam demais a temperatura interna, aumenta a sudorese, e predispõe a desidratação.

Hidratação

Mesmo no inverno se faz necessário a ingestão de água antes durante e após os exercícios. Mantenha o hábito de se hidratar à cada 20 minutos com 200 ml de água durante a sua corrida diária, e, durante o dia 3 litros de água serão bem vindos.

Em especial em São Paulo, onde o inverno costuma ser muito seco, e conseqüentemente com ar mais poluído, a hidratação é fundamental para evitar perda de rendimento, cansaço excessivo e desidratação.

Pele e lábios

Mesmo no inverno é obrigatório o uso de protetor solar, só que com fator de proteção menor que no verão. Também é fundamental o uso de hidratantes após a corrida, pois a pele sofre com a temperatura fria e tende a ficar ressecada. Para quem gosta de correr ou fazer atividades ao ar livre é importante tomar cuidado com os peelings e cremes a base de ácido, que podem deixar a pele ainda mais ressecada. Na dúvida o melhor é procurar o dermatologista.

Os lábios também requerem cuidado especial, com o uso de protetores específicos para esta região, antes e após a atividade, para evitar que ressequem.

Alongamento e aquecimento

A realização de alongamento antes e após qualquer atividade física é uma necessidade em qualquer temperatura ou clima, mas no frio os cuidados devem ser redobrados. A musculatura fria no início do treinamento tende a ser mais sensível a lesões quando utilizada de forma intensa, como por exemplo, na corrida, ou mesmo na caminhada. Por isso o alongamento antes da realização da atividade é mandatório.

Algumas vezes, se o treino for mais intenso, se for ser realizado ao ar livre e com temperaturas muito baixas, é recomendável fazer um aquecimento inicial, com um trote bem lento por 5 a 10 minutos.

Após o treino também é fundamental alongar, pois a musculatura estará aquecida e exposta ao ar frio, e a mudança brusca de temperatura pode causar contraturas (câimbras) e deixa os músculos mais sensíveis a lesões.

Indoor: se você é daqueles que prefere correr em um lugar sem vento ou frio, com temperatura aclimatizada, o melhor é optar pela esteira. Saiba que ela surgiu com esta finalidade nos países onde seis meses por ano neva e ou outros seis meses faz frio, como na Finlândia. Lá os atletas olímpicos não tinham como treinar ao longo do ano, daí, criaram a esteira, o frequêncímetro – e "no more excuses" – treinam sem desculpa de que está frio ou chovendo.

Dicas & Saúde > Treinamento


Roupas

Como grande parte dos atletas se exercitam ao ar livre, as roupas devem ser adequadas para espantar o frio e ao mesmo tempo ideais para não deixar o atleta encharcado de suor.

O casaco de “fleece” é uma boa opção para os dias mais frios. Ele tem a função de manter o corpo aquecido, não bloqueia a transpiração, e ao mesmo tempo permite que o corpo respire proporcionando conforto térmico.

Já para os dias mais amenos, o casaco corta-vento também é indicado. Mais leve que o “fleece”, ele vai aquecer o atleta na medida certa. Além disso, quando sentir calor, o casaco pode ser facilmente guardado.

Também é importante ficar atento na hora de comprar esses produtos. Sempre opte por um modelo leve e bem ventilado que não esquenta quando está treinando, deixando o suor secar e que também possa servir de abrigo no final do exercício.

Já para as atividades menos intensas, como a caminhada, é possível usar um modelo com trama mais fechada. Vale a pena investir neste agasalho que será muito útil para não desistir de treinar quando estiver muito frio.

Outra opção são os tecidos em coolmax (que mantém a temperatura de seu corpo enquanto você corre e transpira, sem encharcar a sua camiseta). Pode-se usar moletons e calças, mas a região de seu corpo que merece maior atenção é do seu peito, por reunir vários órgãos vitais; mantenha-o sempre protegido. As extremidades como mãos e pés também merecem atenção, proteja-os com luvas e meias especiais. Ao término da corrida troque a roupa molhada por roupas secas de imediato.

Não corra ensacado: os plásticos junto ao corpo elevam demais a temperatura interna, aumenta a sudorese, e predispõe a desidratação.

Hidratação

Mesmo no inverno se faz necessário a ingestão de água antes durante e após os exercícios. Mantenha o hábito de se hidratar à cada 20 minutos com 200 ml de água durante a sua corrida diária, e, durante o dia 3 litros de água serão bem vindos.

Em especial em São Paulo, onde o inverno costuma ser muito seco, e conseqüentemente com ar mais poluído, a hidratação é fundamental para evitar perda de rendimento, cansaço excessivo e desidratação.

Pele e lábios

Mesmo no inverno é obrigatório o uso de protetor solar, só que com fator de proteção menor que no verão. Também é fundamental o uso de hidratantes após a corrida, pois a pele sofre com a temperatura fria e tende a ficar ressecada. Para quem gosta de correr ou fazer atividades ao ar livre é importante tomar cuidado com os peelings e cremes a base de ácido, que podem deixar a pele ainda mais ressecada. Na dúvida o melhor é procurar o dermatologista.

Os lábios também requerem cuidado especial, com o uso de protetores específicos para esta região, antes e após a atividade, para evitar que ressequem.

Alongamento e aquecimento

A realização de alongamento antes e após qualquer atividade física é uma necessidade em qualquer temperatura ou clima, mas no frio os cuidados devem ser redobrados. A musculatura fria no início do treinamento tende a ser mais sensível a lesões quando utilizada de forma intensa, como por exemplo, na corrida, ou mesmo na caminhada. Por isso o alongamento antes da realização da atividade é mandatório.

Algumas vezes, se o treino for mais intenso, se for ser realizado ao ar livre e com temperaturas muito baixas, é recomendável fazer um aquecimento inicial, com um trote bem lento por 5 a 10 minutos.

Após o treino também é fundamental alongar, pois a musculatura estará aquecida e exposta ao ar frio, e a mudança brusca de temperatura pode causar contraturas (câimbras) e deixa os músculos mais sensíveis a lesões.

Indoor: se você é daqueles que prefere correr em um lugar sem vento ou frio, com temperatura aclimatizada, o melhor é optar pela esteira. Saiba que ela surgiu com esta finalidade nos países onde seis meses por ano neva e ou outros seis meses faz frio, como na Finlândia. Lá os atletas olímpicos não tinham como treinar ao longo do ano, daí, criaram a esteira, o frequêncímetro – e "no more excuses" – treinam sem desculpa de que está frio ou chovendo.





[ voltar para dicas & saúde ]


Patrocinador







Parceiros

 






Newsletter

Receba nossa newsletter






Redes Sociais

Twitter Facebook Orkut

Site desenvolvido por Treino Online | Copyright 2009-2017 - Todos os direitos reservados à Flávio Freire Assessoria Esportiva